Ping-Pong com Fabíola

09/09/2010 às 12:28 | Publicado em Fabíola, Fofão, Mundial, Seleção brasileira | 2 Comentários
Tags: , , ,

Única novidade na seleção brasileira feminina em 2010, a levantadora Fabíola surpreendeu ao conquistar, com méritos, a posição de titular durante o Grand Prix. Agora, ela se prepara para a disputa do Campeonato Mundial, onde dividirá com Dani Lins a durão missão de dar prosseguimento aos trabalhos de Fofão e Fernanda Venturini com a camisa amarela.

Conversei com a atleta rapidamente durante o desembarque da seleção feminina, na semana passada. A matéria já foi publicada há alguns dias pela Gazeta Esportiva.Net, mas publico aqui a entrevista em forma de ping-pong. Espero que gostem:

Apesar de o título do Grand Prix não ter vindo, você volta satisfeita com o seu desempenho?
Fabíola: Eu volto, volto feliz pela oportunidade de jogar como titular. Nunca tinha feito uma experiencia internacional como titular e para mim foi muito bom. O grupo inteiro aprendeu muito nesse campeonato e tem muita coisa que a gente precisa acertar nesses dias antes do Mundial. Foi muito bom, valeu muito a pena. Não vencemos, mas ganhamos em outras coisas.

O que você acha que precisa melhorar?
Fabíola: Tudo. Principalmente da forma como estou, tenho que melhorar muito e sempre com este pensamento: melhorar e crescer a cada dia, porque a partir do momento em que você acha que está bom é porque algo está errado.

Mas não tem nada específico que você acredite que mereça maior atenção?
Fabíola:
Em geral a gente vai acertar tudo… a bola da saída, a bola do meio, a bola da ponta. Esses quase dois meses servirão para acertar tudo que tivemos de dificuldade no Grand Prix.

Houve uma conversa que a Fofão poderia voltar para o Mundial. Como é suceder ela e a Fernanda Venturini?
Fabíola:
Se a Fofão voltar, o lugar dela está garantido aqui na seleção porque isso ela conqistou. Caso ela não retorne, eu, a Dani Lins, ou quem quer que seja temos essa responsabilidade. Não tem a levantadora titular, quem estiver bem no momento vai jogar. Entre eu e a Dani, uma tá torcendo pela outra e o que importa é a seleção ser campeã, independente de quem seja a titular.

Anúncios

2 Comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. Legal ver que ela é humilde suficiente para reconhecer que tem muito a aprender e melhorar.É um bom começo. Eu vou ficar na torcida pra que ela venha a tornar-se uma grande levantadora e futuramente quando ela parar de jogar nós estejamos lamentando a falta que vai fazer. E quanto a resposta à minha pergunta no post anterior foi muito bom ouvir uma nova opinião e realmente pensando por essa óptica vc tem toda a razão, como sempre. Fico mais tranquila. Obrigada!

    • A Fabíola é de uma educação ímpar e tem jogado bem. Vamos ver se ela conseguirá se firmar na seleção.

      Bjo!
      Carol


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: